Qual A Diferença Entre Um Arquiteto E Um Designer De Interiores?

O que vale a pena mesmo é o conhecimento, técnica/formação e profissionalismo, e é isso que o mercado mais pede. Tambem poderia particularizar mais arquitetura e o designer e não fugir do assunto chegando ao ponto de falar de costrução civil. O bom profissional tem segurança naquilo que faz, independente de hierarquias profissionais, tendo em vista a ética, a responsabilidade e humildade, colocando esses preceitos em prática este será bem sucedido em sua carreira.

Tecnólogo De Design De Interiores

Um curso como designer de interiores (não sei se paisagismo também acontece o mesmo) foi criado na UFRJ em 1971 e nunca foi regulamentado. Então não entendo porque aqui no Brasil a coisa tem que ser diferente, o designer passa 4anos estudando ergonomia, materiais e processos para poder desenhar além de móveis, outros elementos que tragam conforto e aliem estética e performance aos espaços. É formado em Arquitetura e Urbanismo móveis pela Universidade Federal do Paraná, possui mais de 14 anos de experiência e mais de 20 premiações por seus trabalhos como arquiteto. É sócio-fundador do Hiperstudio, um escritório de arquitetura que se dedica a projetos inovadores atrelados à responsabilidade cultural, econômica e ambiental. É reconhecido nacional e internacionalmente por seus projetos, em concursos de arquitetura e prêmios de sustentabilidade.

Canadense muito conhecida pelos seus programas na TV fechada, em que mostra o que faz um designer de interiores. Candice desenvolve projetos para sala de estar e jantar, quartos, banheiros, cozinhas e espaços externos há mais de 25 anos. Ele é bem focado no que faz um designer de interiores, ou seja, na prática profissional. Outro aspecto indispensável para esclarecer o que faz um designer de interiores é saber mais sobre a sua formação acadêmica. De fato, para exercer essa profissão, é preciso preparo com estudos específicos. Quando se fala sobre o que faz um designer de interiores, é preciso entender que o trabalho é abrangente.

O designer de interiores planeja e projeta os mais diferentes espaços internos residenciais, comerciais e institucionais, distribuindo os elementos pensando na estética, conforto, saúde e segurança dos usuários — e, é claro, na funcionalidade do local. Esses elementos incluem peças de mobília, objetos decorativos e até cores das paredes e revestimento do piso. A verdade é que as áreas atuam em partes diferentes de uma obra, mas podem sim ser complementares.

Design De Interiores, Arquitetura De Interiores E Projeto Arquitetônico: Diferença

Diferença entre design e decoração de interiores

No Brasil, mais da metade dos arquitetos trabalha de forma autônoma, em seus próprios escritórios. Para exercê-la é preciso possuir diploma de curso superior em Arquitetura e Urbanismo reconhecido pelo MEC e registro no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia . Resumiu muito bem como funciona a carreira de um designer de interiores.

O Ministério da Educação é responsável apenas por cursos de graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado. Uma boa escola técnica prepara o aluno de forma objetiva para o mercado de trabalho, em menos tempo e com um custo relativamente menor do que um curso tecnólogo ou de graduação numa faculdade de ponta. Driblar o receio, na hora de escolher o curso que vai fazer de você campeã ou campeão, é o que precisa ser o assunto da geral.

O designer de interiores, geralmente, é contratado para mobiliar espaços externos de edifícios. Já o arquiteto pode atuar em projetos de infraestrutura, habitação e mobilidade. Como o próprio nome já diz, um designer de interiores trabalha com foco nos ambientes internos da casa, desenvolvendo projetos voltados ao layout, decoração e organização do espaço. Ao contrário de um arquiteto, o designer não vai cuidar da parte estrutural do projeto. É fato que o designer de interiores é quem melhor entende das necessidades do cliente, referente ao interior, por isso, é ele quem complementa o fechamento da obra. Dessa forma, trabalham em estreita colaboração com arquitetos no que tange a parte estrutural da obra, e com empreiteiros que são os executores dos projetos.

A Diferença Entre O Arquiteto, O Design De Interiores E O Decorador

Por se tratar de um curso de grau tecnológico, grande parte da carga horária é destinada a aulas práticas. A grade curricular conta com aulas sobre técnicas de iluminação e instalação, desenho de móveis, cenografia de interiores, revestimentos e materiais. Ele é o responsável pelo desenho do espaço que será construído e, portanto, lida com o paisagismo, urbanismo e várias formas de design. Art. 2o Designer de interiores e ambientes é o profissional que planeja e projeta espaços internos, visando ao conforto, à estética, à saúde e à segurança dos usuários, respeitadas as atribuições privativas de outras profissões regulamentadas em lei. É sabido que existe uma pressão da família, da sociedade e do próprio mercado de trabalho, para que você tenha um diploma de curso superior.

Em suma, enquanto a decoração é uma prática mais artística, estética, enquanto o design de interiores leva em consideração o planejamento e funcionalidade. Entre os anos 30 e 40, começaram os debates sobre a nomenclatura da profissão para abarcar de maneira mais ampla o que realmente era a profissão. O termo decorador de interiores foi dando espaço ao designer de interiores, uma vez que “design” significa projeto e inclui de maneira mais completa a complexidade da profissão. Em 1936, o American Institute of Decorators mudou de nome para American Institute of Interior Designers e com isso o termo "designer de interiores" foi ganhando o mundo e sedimentando a profissão. Busca o conforto ergonômico, térmico, acústico, lumínico e psicológico, compreendendo o comportamento do usuário e sua inserção cultural, otimizando a qualidade de vida e garantindo pertinência e identidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.